Notícia

PE Verde da Braskem
    Família Green

    Migração total para o Plástico Verde

    Se há um setor no Brasil que pode se orgulhar de estar na vanguarda mundial, este é o de agronegócios. Com uma das maiores áreas agriculturáveis do mundo, dono de um clima favorável e detentor de avançada tecnologia de produção, o país encontra-se nos primeiros lugares de qualquer lista que se destine a medir eficiência e produtividade nesse setor. Agora, o Brasil pode orgulhar-se de liderar mais um movimento importante nessa indústria.

    A FMC Agricultural Solutions , uma das principais empresas de agronegócio do país, tornou-se, ainda em 2012, a primeira empresa do setor a utilizar bombonas produzidas com matéria-prima de fonte renovável. Neste ano, anunciou que vai aumentar o uso de embalagens feitas com plástico verde. Batizada de "Família Green", as embalagens trazem, em sua composição, ao menos 51% da resina I'm green TM , o polietileno proveniente da cana-de-açúcar produzido pela Braskem.

    As embalagens podem ser identificadas pelo selo I'm green TM , que leva em consideração a transparência na comunicação e atendimento às normas internacionais de selos de programas sustentáveis. A estimativa da FMC Agricultural Solutions é que 60% das embalagens adquiridas em 2017 estampem o selo, patamar que deve ser elevado a 85% em 2018.

    O biopolímero contribui para a redução de gases do efeito estufa. Entre 2012 e 2016, as embalagens da FMC com o selo I'm green TM evitaram a emissão de 3.520 toneladas de CO2 na atmosfera. Com o novo patamar, a estimativa é que, apenas entre 2017 e 2018, o uso das bombonas da Família Green reduzam o impacto em mais 5.162 toneladas. Hoje, essas embalagens podem ser produzidas pelos maiores transformadores atuantes no mercado Agro, tais como Greif, Unipac e Ipackchem, entre outros.

    As Embalagens Green seguem os mais altos padrões de qualidade, segurança e desempenho do mercado, e proporcionam alto índice de economia ecológica, ao diminuir o impacto ambiental da produção e do descarte de embalagens", assegura Ronaldo Pereira, Presidente da FMC Agricultural Solutions América Latina.

    Segundo o executivo, o objetivo com a adoção dessa estratégia é reduzir o impacto ao meio ambiente e avançar no uso de tecnologias inovadoras, além de reduzir a dependência do petróleo, recurso fóssil mais utilizado como matéria-prima para a produção de embalagens tradicionais.

    Em outra frente de sustentabilidade, a FMC Agricultural Solutions hoje tem 15% das suas embalagens relacionadas ao programa de reciclagem do sistema Inpev/Campo Limpo, que resultam em estruturas compostas por 85% de polietileno reciclado e 15% de polietileno virgem. Entre 2012 e 2016, o uso destas embalagens reduziu em 1.642 toneladas a emissão de CO2 da atmosfera. No período entre 2017 e 2018, a estimativa é que outras 823 toneladas de CO2 deixem de ser emitidas.

    Considerando-se, portanto, as embalagens da Família Green e as produzidas pelo sistema Inpev/Campo Limpo, a FMC Agricultural Solutions terá, em 2018, 100% de suas embalagens rígidas provenientes de fontes sustentáveis. Nesse momento, a empresa terá deixado de emitir, desde 2012, 11.147 toneladas de CO2, valor equivalente à quantidade de CO2 que um carro geraria se percorresse 1.065 vezes a circunferência da Terra.

    Inspirada pelo conceito de agricultura responsável, a companhia investe em produtos que tenham harmonia com o meio ambiente e em pesquisas para viabilizar o uso e o desenvolvimento de materiais verdes ou reciclados. "Temos o compromisso de atender o produtor em todas as suas demandas, e o descarte de embalagens vazias é uma delas. Acredito que o caminho da sustentabilidade deva guiar nossas atividades para que as gerações futuras desfrutem dos recursos naturais disponíveis", ressalta Pereira.

    Compartilhe
    1 voto
    TAGS: sustentabilidade, sustentável, impactos ambientais, i'm green, plástico verde, biopolímero, fontes renováveis, agronegócio, bombonas, polietileno, frascos, rígidas, embalagens industriais

    Não encontrou o que procura?

    Escreva abaixo os assuntos sobre embalagens que você gostaria de ver por aqui.